EmSella: tecnologia que fortalece o assoalho pélvico

Ao longo dos anos, nosso corpo reduz gradualmente a produção de colágeno e de elastina, fibras importantes para garantir a qualidade da pele. Com isso, a região íntima sofre com perda de força e espessura da pele, de seus ligamentos e da sua musculatura, impactada também pela menopausa, efeitos do parto, maus hábitos e fatores genéticos.

Esses efeitos acarretam incontinência urinária, ressecamento íntimo, dor, baixa autoestima e outras consequências. É um problema muito importante, que afeta muito a vida de inúmeras mulheres, principalmente as de meia idade.

A boa notícia é que podemos trazer de volta a qualidade das estruturas íntimas. Através da realização de alguns procedimentos,  que fortalecem a região, podemos reduzir a flacidez e melhorar a firmeza da pele e da musculatura.

O EmSella é uma das tecnologias aliadas das mulheres. É um procedimento revolucionário e muito moderno disponível no Instituto Burmann e Bastos.

 

O que é o EmSella

Trata-se de um equipamento inovador, com tecnologia de ponta, que combate a incontinência urinária e o desconforto íntimo. O procedimento é minimamente invasivo, indolor e muito eficaz. Pode ser realizado em mulheres e também em homens.

Como o EmSella funciona?

O EmSella tem o formato de uma cadeira. A paciente senta sobre o aparelho e recebe energia eletromagnética focada na musculatura do assoalho pélvico, por meio da tecnologia Hifem (High-IntensityFocusedEletromagnetic). Uma única sessão induz milhares de contrações musculares supra-máxima do assoalho pélvico, que são extremamente importantes na reeducação muscular de pacientes incontinentes.

Enquanto uma sessão de fisioterapia pélvica é capaz de trabalhar 100 exercícios, o procedimento realiza o equivalente a 11 mil no mesmo período de tempo.

Resultado da atuação do EmSella na musculatura do assoalho pélvico

 

A cadeira tem dois protocolos principais: um para tratamento da incontinência urinária e outro para fortalecimento perineal.

O procedimento é indolor e não é necessário se despir. O paciente experimenta apenas formigamentos e contrações dos músculos do assoalho pélvico durante o procedimento. Por ser minimamente invasivo, o protocolo permite ao paciente retomar suas atividades normais no mesmo dia, sem tempo de recuperação.

A sessão tem em média 30 minutos. Para o tratamento completo, são indicadas cerca de seis sessões, com intervalo de pelo menos 48h.

O procedimento é contraindicado para gestantes, mulheres com DIU de cobre e com placas metálicas no quadril ou no joelho.

 

Benefícios do EmSella

O fortalecimento do assoalho pélvico tem inúmeros benefícios, principalmente para as mulheres. Além de redução da incontinência urinária, comum em cerca de 50% das mulheres ao longo da vida, a qualidade da vida sexual também é beneficiada, já que há fortalecimento da musculatura do períneo. 

De acordo com um estudo a respeito da eficácia do EmSella, 95% das pacientes relataram melhora na qualidade de vida após a realização do procedimento.

 

Ficou interessada em saber mais sobre o assunto? Entre em contato com o Instituto Burmann e Bastos e agende sua consulta com a Dra. Fairuz.

EmSella em Porto Alegre

Instituto Burmann e Bastos
Av. Carlos Gomes, 700 – Salas 607 e 608 – Porto Alegre
(51) 3737.3817 – 98239.0135

Quem Sou

Sou a Dra. Fairuz Helena ....

Blog

Novidades sobre beleza ....

Entre em Contato

Dra. Fairuz Helena Castro

Endereço

Instituto Burmann e Bastos

Av. Carlos Gomes, 700 - sala 607 e 608 

Bairro Petrópolis

Porto Alegre/RS

Telefone

(51) 3737-3827

 

(51) 98239-0135

 

Email

dermato@drafairuzhelena.com.br